Matando o fantasma branco: como eliminar as manchas brancas do vidro temperado?

Clientes de vidro temperado geralmente têm certas tolerâncias para a distorção temperada. No entanto, existem alguns tipos de defeitos com uma política de tolerância zero na maioria dos mercados e aplicações. Um desses defeitos é a “mancha branca”. Ouvi há algum tempo que este fenômeno também é chamado de “efeito fantasma” (ghosting). O efeito fantasma, ou “ghosting”, tem uma descrição curiosamente precisa, pois não se sabe exatamente o que deve ser feito para evitar o defeito — parece que há um fantasma no forno causando o defeito.

 Você já teve um efeito fantasma em seu vidro temperado?

Então, o que é a mancha branca? O material da mancha branca pode ser poeira, resíduos do rolo ou deformação mecânica real causada por uma pressão mecânica muito alta entre o vidro e os rolos. A mancha branca pode ser causada por inúmeros motivos e pode ocorrer em diversas formas diferentes. Talvez, o tipo mais comum de mancha branca seja uma tira vertical no centro do vidro. A mancha branca também pode ocorrer perto das extremidades, em cantos do vidro ou por todo o vidro com áreas turvas vagas ou listras e marcas repetitivas. Existem muitos outros tipos de mancha branca que podem ocorrer, e todos esses podem ser resolvidos com um remédio diferente.

Mancha branca - marcas no vidro

Mancha branca – marcas no vidro

Mancha branca - marcas no vidro

Mancha branca – marcas no vidro

 

Neste artigo, analisaremos uma lista de verificação que pode ser usada como base para um processo de resolução de problemas sistemático para eliminar o defeito da mancha branca.

Existem muitos tipos de mancha branca que podem ocorrer e todos podem ser resolvidos com um remédio diferente. Tal como acontece com qualquer defeito, uma abordagem sistemática para a resolução de problemas é extremamente importante para combater o defeito de mancha branca.

Lembre-se também de baixar nossa apresentação que pode ajudar a superar suas outros problemas de qualidade no processo de têmpera. Passo 1: Definir e descrever o problema

  • Em que parte do vidro/carga a mancha é visível?
  • As marcas brancas estão sempre na mesma posição?
  • O padrão é repetitivo?
  • Determine os arranhões, comprimento, entalhes, impressões, tamanho e cor do defeito. Use uma lupa, se necessário.
  • Em que espessuras / tipos de vidro o defeito é visível?

Passo 2: Analisar as mudanças no ambiente ao redor

  • Quando isso começou?
  • Que mudanças aconteceram no ambiente ao redor?
  • Existe uma estação de esmerilhamento por perto (a possibilidade de poeira voar para dentro do forno)?

Passo 3: Usar dados de processo e análises

  • Existe uma correlação entre as marcas e a imagem do scanner?
  • Como estão os dados do Sistema de Monitoramento de Qualidade? Há alguma irracionalidade nos dados do processo?
  • Se o SO2 foi utilizado, quanto e quando?

Passo 4: Analisar possíveis fontes mecânicas

  • Rolos de cerâmica
    • Aspereza da superfície?
    • Poeira?
    • Partículas sólidas na superfície do rolo?
    • Superfície rachada, quebradiça?
    • Nivelamento do rolo?
  • Isolamento
    • O isolamento está quebrado?
    • As portas do forno estão funcionando?
  • Limpeza geral
    • Poeira no chão e aquecedores de fundo?
    • Poeira ou partículas dentro o sobre os canais de convecção de ar?
  • Funcionalidade dos
    • Aquecedores
    • Termopares
    • Convecção (sistema de ar pneumático ou sopradores de convecção)
  • Sistema de acionamento
    • A velocidade de acionamento é consistente?
    • Os rolamentos do rolo funcionam bem?
    • As correias transportadores estão em bom estado?

Passo 5: Ações corretivas

  • Se o problema estiver nos parâmetros do processo, você poderá ver a correlação entre a análise do processo e as marcas brancas. Ao corrigir os parâmetros do processo para produzir o vidro mais liso no forno, você poderá corrigir o defeito. O problema da mancha branca mais comum é a mancha no centro do vidro, e ele ocorre exatamente devido a parâmetros incorretos. Isso é corrigido por meio da alteração do parâmetro, reduzindo as temperaturas do rolo e/ou aumentando a convecção superior. Observação! O excesso de convecção superior cria um tipo diferente de problema de mancha.
  • Se o problema for mecânico, a etapa 4 o guiará através das ações corretivas.

Uma abordagem sistemática para a resolução de problemas o ajudará a se livrar do efeito da mancha branca. Como mencionado no início deste post, há inúmeras formas diferentes de mancha branca. Nos próximos posts, abordaremos a resolução de cada tipo de problema de mancha branca ponto a ponto.

 

 

Quer saber mais?

Inscreva-se no boletim informativo da Glastory

Compartilhar esta história

Sobre o autor

Ville Patola

Product development engineer in Glaston. Eternal questioner, learner and GlastonAir guru. Addicted to and competing in weird sports like MMA and crossfit.